Por: Camila Rego

Olá pessoal! Depois das merecidas férias pós Congresso Regional aqui estamos nós novamente. O tema da festividade todos se lembram né? Arrebatamento. Pois bem, vamos continuar nessa temática, mas agora com uma abordagem diferente.

Você conhece o seu gigante?

Quantas vezes nós não temos algo muito importante para fazer, mas vamos deixando para depois, e depois, e depois… Até que BAM! Somos surpreendidos… Infelizmente acontece não é mesmo? Pode acontecer na Escola ou ainda em algum curso, No entanto, na nossa vida espiritual isso nunca acontecer.

Estamos em processo de santificação, e é algo que muito exige de nós, pois a nossa velha natureza é inclinada para o mal. Sempre procurando o jeito mais fácil, o menos trabalhoso e que nos favoreça… Humanidade… É uma luta que travamos todos os dias contra o gigante mais difícil de derrubar: Nós mesmos.

Renunciar o nosso velho eu, aprender a controlar um ego que só quer, quer mais, quer mais e mais não é tarefa simples! Mas é exatamente isso que Deus deseja que façamos. Uma tarefa que demanda tempo e esforço, por isso que muitos vão empurrando com a barriga.

Uma grande amiga numa conversa me disse assim: ”Quando estiver em dúvida sobre que atitude tomar, pense assim: o que Jesus faria?” E isso me fez pensar… Será que estamos tentando ser mais parecidos com Ele no nosso dia-a-dia? Porque se os homens fossem mais parecidos com Cristo não haveria tantas guerras e desigualdades.

Falando sério, você já estuda tem algum tempo… Então responda: É melhor estudar um pouquinho todos os dias, preparar-se continuamente para aquela prova importante do final do semestre ou deixar pra colocar as mãos nos livros faltando menos de uma semana para o teste? Claro que é melhor se preparar antecipadamente, assim também é a nossa vida espiritual. Nenhum de nós quer ser como as virgens loucas não é mesmo? Então, é preciso manter as lâmpadas sempre acesas e nossas vestes alvas para o aguardado encontro com o noivo.

O meu gigante chama-se Camila Rego, ela está sempre tentando ir pela tangente do caminho que Deus tem para mim. Derrubá-la não foi tão complicado, agora cortar sua cabeça… Ser cristão dentro da igreja ou só nos momentos bons é fácil, agora é na nossa rotina, enfrentando as tentações que o nosso Senhor, Que é onisciente, onipotente e onipresente conhece verdadeiramente quem são os filhos Seus.

Até aqui Ele tem nos mantido, vamos permanecer firmes meus irmãos para que naquele grande dia possamos cear juntos com o nosso Senhor!