INTRODUÇÃO. Um vexame, um escândalo marcam o início do recomeço de vida pós dilúvio da família de Noé, os preservados da grande catástrofe. O vinho embriagante causou danos à imagem do patriarca, além de provocar a atitude impensada de Cam que fez com que perdesse parte de seus direitos em relação a seus irmãos e, ainda, herdar uma maldição por difamar o próprio pai em vez de ajudá-lo, neste momento de destempero. Esse episódio deve nos levar à reflexão tanto à vigilância quanto ao uso de bebidas alcoólicas e à educação familiar.

I. A VINHA DE NOÉ. Talvez Noé desconhecesse o perigo de ingerir o vinho fermentado por inexperiência e, por isso, teve esse deslize. Noé era servo de Deus, mas isso não era suficiente para impedir uma situação de escândalo. As nossas atitudes devem ser pensadas, e muito bem pensadas, para que as consequências não sejam destrutivas, inclusive para a família. O vexame é inevitável quando há um problema moral envolvendo o membro que deve ser modelo da família. Isso somado à atitude de má fé de seu filho menor, Cam, que em vez de tentar pelo menos ajudar, comportou-se mal, divulgando o escândalo.

II. O JUÍZO DE NOÉ SOBRE A IRREVERÊNCIA DE CAM. Após passar a embriaguez, Noé sabendo da atitude de Cam, agora se vê no dever de tratar o caso, e amaldiçoa de forma indireta a Cam, fazendo com que recaísse sobre o filho deste, Canaã. Os tempos verbais dessa maldição sugerem um apelo a Deus. A maldição de Canaã, filho de Cam, indica um conhecimento anterior do princípio de que a iniquidade do pai continuaria nos filhos(Êx. 14.7). A maldição aparentemente se restringiu a esse ramo da família de Cam. Podemos notar que por uma atitude correta, o nosso Deus premia-nos com copiosas bençãos, o exemplo foi o ocorrido com Sem e Jafé que prudentemente se comportaram diante da situação vergonhosa do pai. Não o ridicularizaram e, ainda, ajudaram-no a evitar um prejuízo maior, cobrindo sua nudez.

III.CUMPRE-SE A MALDIÇÃO DE CAM. Cam se estabeleceu na Arábia, acredita-se que os habitantes de Canaã tenham migrado de lá. Não somente Israel, mas também a terra a leste do rio Jordão pertencia a Canaã. Abraão descendente direto de Sem, recebeu a promessa de Deus que a sua semente  herdaria a terra de Canaã que teria uma grande extensão, em cujas terras habitavam povos da linhagem de Canaã, cumpria-se assim a maldição proferida por Noé. Observando os povos descendentes de Canaã, encontramos Sodoma e Gomorra, cujos habitantes eram tão irreverentes quanto ele.

CONCLUINDO. Aprendamos com as lições dadas nessas passagens da Escrituras. Nossas atitudes contam muito para Deus. Se quisermos ser bem sucedidos no reino espiritual, tenhamos atitudes dignas de verdadeiros servos de Deus como Sem e Jafé, que não levaram as coisas de Deus de qualquer maneira com difamações, zombarias e, vamos procurar com zelo dar frutos para o reino de Deus, ganhando almas e não pondo a perder aqueles que estão ao nosso lado, que também custaram um alto preço e o preço foi o sangue de Jesus. Vamos ajudar os irmãos mais fracos a se tornarem fortes e conseguirem chegar no céu de fato.

Bibliografia consultada:

A Bíblia da Mulher: leitura, devocional, estudo. 2 ed. Barueri,SP